• CoisasDeViajante

Coisas na Europa: ônibus, trem ou avião

Atualizado: 22 de Ago de 2019


Essa é uma questão que sempre surge na montagem dos roteiros pela Europa, principalmente quando em alguns caso encontramos aquelas passagens LowCost com valores bem competitivos, ou algumas vezes muito "atraentes", em relação as passagens de trem ou ônibus

Nessa questão não existe melhor ou pior, e sim o que é mais apropriado para seu tipo roteiro, ou estilo de Viagem. Abaixo, destacamos alguns pontos que podem ajudar a definir a melhor opção em cada ocasião de viagem:

  • em alguns países, ou região da Europa, a viagem de ônibus pode ser um boa oportunidade para reduzir o orçamento, se o tempo de viagem não for um problema no seu planejamento. Existem algumas empresas (tipo Flix Bus, Eurolines...) que oferecem um bom serviço, com veículos novos, serviços de bordo e Wifi. No Leste-Europeu, por exemplo, como algumas linhas trem são atendidas por composições mais antigas, o tempo de viagem de Ônibus pode ser o mesmo, ou até mais rápido, em comparação ao trem;

  • a maioria das estações de trem encontram-se no centro das cidades, o que oferece uma facilidade de tempo e deslocamentos, quando comparados aos aeroportos que normalmente estão nos arredores das cidades;

  • optando por passagens LowCost (tipo Rynair, Wizz Air, Easy Jet...), importante observar de qual aeroporto esses vôos partem, pois para reduzir os custos, essas cias adotam aeroportos que estão praticamente estão em outras cidades, fora do destino em questão, por exemplo: em Paris, algumas empresas usam o aeroporto de Beauvais (82km de Paris); em Londres, muitos desse vôos partem de Stansted ou Luton (fora de Londres) distante até 1h30 da região central de Londres;

  • o tempo gasto para embarcar e desembarcar ao pegar um avião é maior em comparação com o trem, pois há necessidade de chegar antes ao aeroporto para check-in e despacho, e depois no desembarque, a espera pelas malas. Viajando de trem, não se perde esse tempo uma vez que não há o despacho de mala, e nem a necessidade chegar muito antes do horário de partida. Dependendo da situação, pode se reduzir em até 3 horas o tempo de uma viagem entre cidades em função desse detalhe, somado a distância do aeroporto até região central do destino;

  • optando pelo deslocamento de trem, dentro de um país ou entre diversos países vizinhos, pense na possibilidade de fazer trajetos curtos entre 2 e 3 horas de viagem, pesquisando cidades que poderiam ser visitadas no trajeto entre as principais capitais, pode ser uma boa oportunidade de conhecer um cidade menos turística, ou interessante, tais como: Dresden (entre Berlim e Praga), York (entre Londres e Edimburgo) ou NoviSad (entre Belgrado e Budapeste);

Curtiu as Dicas?! Vai Viajar em breve?! Consulte nossa Consultoria de Viagem, Clique Aqui!


35 visualizações0 comentário